A Importância da Igreja

A igreja é uma referência imprescindível

A igreja é uma referência vital para a sociedade

As profecias pessimistas dos mestres da suspeita – Marx, Freud e Nietzsche – estavam erradas: apesar dos duros golpes que sofreu durante a modernidade, Deus não morreu, a religião não desapareceu do mapa e nem tampouco a igreja fechou em definitivo as suas portas. Muito pelo contrário. A religião hoje está de volta e com força total. E, alimentadas por este retorno do sagrado, as igrejas estão multiplicando-se por toda parte, experimentando um crescimento como há muito não se via.

Não obstante este novo momento cultural, muitas pessoas seguem se perguntando pela importância da igreja, sobre que tipo de diferença ela faz na sociedade. Aponto aqui duas razões pelas quais entendo ser a igreja importante para a sociedade contemporânea.

Primeiramente, a igreja é importante porque ela é um raro contraponto ao individualismo reinante em nossos dias. Nestes tempos altamente competitivos onde o outro cada vez mais é percebido como alguém que concorre comigo por um lugar ao sol, valores como o altruísmo, a generosidade e a gratuidade tendem a desaparecer. A sociedade, no entanto, não pode prescindir deles, pois constituem importante contrapeso para a manutenção do equilíbrio da relação eu-tu sobre a qual a vida social se edifica. Ao cultivar e encorajar a vivência cotidiana de tais valores, a igreja contribui significativamente para a saúde social impedindo-nos de tomar o caminho sem volta do egocentrismo absoluto.

Uma segunda razão pela qual julgo ser importante a presença da igreja na sociedade tem a ver com a esperança que ela encarna e proclama. Neste nosso contexto brasileiro de tantas más-notícias, a igreja insiste rebeldemente em ser um foco irradiador da boa-notícia de salvação e esperança do reino de Deus. Contra todas as evidências contrárias, a igreja teimosamente anuncia o triunfo do bem sobre o mal, a vitória da vida sobre a morte, o êxito da saúde sobre a doença, etc. E este anuncio é imprescindível, pois livra-nos do fatalismo e da depressão.

Enfim, a igreja é importante pois contribui fundamentalmente para a saúde social através do incentivo à gratuidade e ao altruísmo bem como por meio do anúncio insistente de uma esperança rebelde a todo enquadramento melancólico e fatalista. Ademais, a igreja constitui sinal e metáfora da nova humanidade redimida que tanto necessitamos ver emergir.

7 comments

  1. Stone · agosto 10, 2009

    Olha, serei sincero, escreverei sem eufemismos, mas no âmbito do bom senso. Primeiramente, é patente que as igrejas pregam aquilo que foi escrito por seres humanos, ou seja, a Bíblia. Como um documento de caráter moralista, a Bíblia nada mais é que fruto dos devaneios humanos, escrita por indivíduos desprovidos do senso de realidade.

    A igreja, portanto, é instrumento da propagação de conceitos metafísicos, ou seja, tudo o que não foi comprovado cientificamente. O pior, o mais execrável, é usarem o nome de Je$u$ para angariarem dinheiro fácil, como prostitutas, também adeptas da facilidade. A igreja é uma prostitua edificada e os “fiéis” são voyeurs da ilusão.

    • valter · agosto 10, 2009

      você é um leigo, meu querido e não entende nada de Igreja e da Palavra de Deus.

      • sidney m · agosto 10

        Stone, Sinto por pensar desta forma, mas aprenda, quando ler a bíblia com a visão espiritual de Cristo, e nascer de novo, se é que sabe o que é isso, se aceitar Jesus Cristo como seu salvador ai você entendera o que está escrito na Bília Sagrada. joão 3:16 e 17. fique na paz.

  2. Marilza Castro · agosto 10, 2009

    Entendo que esse espaco do blog é oportunidade de diálogo e partilha de diferencas, porém é possível dialogar e divergir de forma respeitosa.
    Acredito que toda generalizacão e injusta e parcial.
    Stone, suas colocacões foram desrespeitosas.
    Gostei muito do texto do Pastor Leandro, que me levou a pensar na seguinte questão: Será que podemos considerar esse crescimento quantitativo também qualitativo? Não questiono aqui a diversidade de expressões de fé, mas a essência que compartilhamos, que é Jesus.
    Marilza

  3. Divana Correa · agosto 10, 2009

    Olha, eu também achei bem desrespeitoso o que o Stone disse! Não é a igreja que está sendo desonesta e sim, as pessoas que participam dela. O importante é fazer a sua parte, pois, você engana qualquer pessoa, mas não a DEUS!

  4. Nelson Trigo · agosto 10, 2009

    Sou cristão e “frequento Igreja” há mais de 25 anos.
    Sei que não é o céu ainda, sei que muita gente se aproveita do meio para enganarpelos mais variados motivos, assim como medicina, escolas, política,etc.
    Entendo que a fé não é possivel a todos.
    Mesmo que eu não acreditasse no poder espiritual da igreja , seria muito ignorante se não reconhecesse o grande benefício que esta “instituição” traz ao mundo.
    Se a igreja devolvesse à sociedade seus ex-alcoolistas, ex drogados, ex-traficante, ex-bandidos,ex-mafiosos e tatos outros “ex”. Não haveria cadeias,hospitais, centro de recuperação, orfanatos, maternidades, policiais suficiente no mundo.A carteira da saúde de qualquer país agradece
    Se a igreja não resistisse tão bravamente contra os ataques e desistisse de pregar valores à sociedade,aos jovens, adolenscentes, casais, seria um caus total. Se a igreja deixasse a sociedade a mercê dos formadores de opinião certamente as coisas estariam muito pior do que já são hoje.
    Foi Jesus quem trouxe valores à sociedade,e impede total barbárie. Foi Jesus quem valorizou mulheres , crianças tão amparadas em nossa sociedade hoje.
    Países onde o cristianismo não reconhecido, mulheres e crianças são tratadas como objetos, senão como animais.
    Amo a Igreja verdadeira(união de pessoas que reconhecem Jesus como Deus e vivem em função de estabelecer o Reino de Deus por aqui), mas ainda que não cresse teria que adimitir que estas tem prestado um excelente serviço à humanidade.

  5. Claudia Lima · agosto 10, 2009

    Considero as respostas de stone desrespeitosas . Em tudo existe os que não levam a sério o que fazem. Com sua palavras vc fere uma nação cristã que tem a Bíblia como manual de verdades que cada dia prova a veracidade de suas profecias. Inclusive a de que todo joelho se dobrará e toda lingua confessará que Jesus Cristo é o Senhor. Não tenho nada contra as prostitutas. Elas também precisam conhecer o poder libertador de Jesus. Não são seus conceitos Stone, que mudará a direção de Deus para aqueles que creem em Sua Palavra. As portas do inferno não prevalecerá contra a igreja do Senhor. Os falsos profetas que usam da igreja para engordarem suas contas bancarias prestarão conta. Damos tanto dinheiro pro governo e o que mais vemos são reportagens provando os absurdos quanto a corrupção. Apenas sentimos muitos pelos que usam de má fé. Isso não mudará em nada a convicção
    de fé dos cristãos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alteração )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alteração )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alteração )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alteração )

Conectando a %s